Anterior

Alagoas Alagoas registra o primeiro caso suspeito de Coronavírus

27/02/2020

Anterior

Próxima

Mortes nas rodovias brasileiras no carnaval aumentaram 8%

27/02/2020

Próxima
27/02/2020 - 18:23
PRF/AL autua mais de 900 motoristas durante Operação Carnaval 2020

Falta de atenção, desrespeito às normas de trânsito e animais na pista foram as principais causas de acidentes nesse feriadão
Por: PRF/AL
 Foto: PRF/AL 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou no último minuto de ontem (26) sua Operação Carnaval 2020. Em Alagoas, o órgão começou a reforçar o policiamento nas rodovias federais que cortam o estado na sexta-feira (21) e realizou desde o início do mês trabalhos integrados voltados para a educação no trânsito. No entanto, nas estradas os policiais observaram motoristas desrespeitando as leis de trânsito e desatentos na direção do veículo.

Durante o feriadão os policiais rodoviários federais fiscalizaram 1.739 veículos que transitaram por BRs que passam por Alagoas. Cerca de 3 mil pessoas tiveram seus dados consultados e mais de 1.600 motoristas passaram pelo teste de etilômetro. Os reforços no policiamento não evitaram que o número de acidentes aumentasse, mesmo que de forma tímida. Na Operação Carnaval 2019 foram registrados 10 acidentes, enquanto que este ano foram 12. Desses sinistros, sete foram considerados graves. As duas mortes registradas durante o período aconteceram no fim da noite da quarta-feira de cinzas. O número de óbitos se manteve igual ao do ano passado.

Observa-se que as principais causas dos sinistros registrados durante período carnavalesco foram a falta de atenção dos condutores, o desrespeito à legislação de trânsito e defeito mecânico do veículo. Vale lembrar que durante todas as suas ações educativas a PRF enfatiza a importância da realização de revisão do veículo antes da viagem, do olhar atento do condutor à pista e do respeito ao Código de Trânsito Brasileiro.

Dois acidentes graves que podemos destacar envolveram animais soltos na pista e desrespeito à legislação de trânsito. Em um deles o motorista estava embriagado e no outro ele não tinha habilitação para conduzir veículo automotor. O primeiro deles aconteceu na madrugada do domingo (23), na BR 316. Um veículo que deveria transitar com 5 ocupantes, trafegava pela rodovia com oito pessoas quando colidiu em um animal que estava na pista. Foi detectado que o motorista ingeriu bebida alcoólica antes de dirigir e a maioria dos passageiros tiveram ferimentos graves. O outro acidente grave, que resultou em dois óbitos, aconteceu no final da operação, no fim da noite de ontem (26). Um homem inabilitado conduzia uma motocicleta e transportava uma passageira, quando atropelou um animal que estava solto na BR 104, em União dos Palmares. Ambos morreram no local do acidente.

Autuações

De acordo com dados oficiais, 38 condutores foram flagrados sob efeito de álcool, sendo três deles presos. Além disso, 115 veículos foram flagrados realizando ultrapassagens indevidas. Os agentes também observaram 80 motociclistas – ou passageiros de duas rodas – sem usar o capacete e 40 pessoas sem usar o cinto de segurança. Quase 30 veículos ficaram recolhidos nas Unidades Operacionais de Polícia por apresentarem irregularidades e/ou comprometerem a segurança de seus usuários.

Além de reforçar as fiscalizações nas rodovias para reduzir a gravidade de acidentes no trânsito, a PRF também promoveu ações de educação para o trânsito a fim de sensibilizar condutores e passageiros sobre a importância de atitudes responsáveis que garantem maior segurança para todos os usuários das rodovias. Alcançando mais de 600 pessoas, o Cinema Rodoviário foi uma das ferramentas utilizadas durante a Operação Carnaval para trazer vídeos que mostram as consequências de comportamentos irresponsáveis ao volante.

Prisões

Cinco pessoas foram detidas pela PRF no período do carnaval. Entre as ocorrências atendidas, dois eram foragidos da justiça e outros três indivíduos foram autuados por alcoolemia ao volante. Os flagrantes ocorreram nas BRs 101, 104 e 316.

A primeira prisão se deu na noite de sexta-feira (21), quando uma equipe da PRF realizava patrulhamento na BR – 101, em São Miguel dos Campos, e abordou um caminhão Volvo, de cor vermelha. Durante os procedimentos de verificação aos documentos do condutor, foi constatado que havia um mandado de prisão em seu desfavor por crime de apropriação indébita, expedido pela 2ª Vara Criminal de Jaboatão dos Guararapes/PE. Diante dos fatos, o homem foi encaminhado à Delegacia Regional de São Miguel dos Campos/AL.

Os três flagrantes de alcoolemia ocorreram no sábado (22), em diversos trechos da BR – 316. O primeiro ocorreu por volta das 10 horas, em Dois Riachos/AL, quando os agentes avistaram um motociclista sem capacete de segurança. Após abordagem, o condutor informou que não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e ao ser submetido ao teste de etilômetro, apresentou resultado de 1,42 mg/l. Ante evidências, foi dada voz de prisão e ele foi encaminhado à Delegacia de Santana do Ipanema. Por apresentar irregularidades de licenciamento, a moto foi recolhida ao pátio da PRF em Palmeira dos Índios/AL.

As outras duas prisões por alcoolemia ocorreram nos kms 84 e 87, em Santana do Ipanema/AL. O primeiro caso se deu pouco antes das 18 horas, quando policiais realizavam patrulhamento e abordaram um I/Fiat Palio, de cor branca. Após abordagem, o motorista foi submetido ao teste de etilômetro, o qual resultou em 0,40 miligramas de álcool por litro de ar expelido. Mais tarde, por volta das 21 horas, o motorista de um Fiat Palio tentou fugir da equipe ao receber a ordem de parada, dirigindo em alta velocidade pelas ruas movimentadas. Após acompanhamento, os policiais conseguiram alcançar o condutor e o submeteram ao teste de etilômetro, constatando índice de 0,72mg/l. Ambos foram detidos e também encaminhados à Delegacia Regional em Santana do Ipanema/AL para procedimentos cabíveis.

A última prisão aconteceu na noite de quarta-feira (26), quando outro foragido da justiça foi detido pela PRF. Era por volta das 15h30 quando uma equipe realizava fiscalizações no km 17 da BR – 104, em São José da Laje/AL e deu ordem de parada a um carro Gm Zafira. Durante verificação aos documentos do condutor, foi constatado que havia um mandado de prisão em seu nome, expedido em 2016 pelo 1º Tribunal do Júri de Campinas/SP, por crime de homicídio. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão e o homem encaminhado à Delegacia Regional de União dos Palmares/AL.






Link:




Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.